Troféu Viva Dominguinhos faz homenagens aos pesquisadores, amigos e admiradores do sanfoneiro de Garanhuns


Com a finalidade de presentear amigos e admiradores do mestre Dominguinhos, o Troféu Viva Dominguinhos foi entregue na noite de encerramento da terceira edição do evento. Idealizado pelo professor e pesquisador Antônio Vilela, tendo a parceria da Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Comunicação Social, o simbolismo do momento emocionou todo o público presente. Esta é a segunda edição da premiação.

O troféu este ano foi para Aldo Machado de Araujo, Eurides Menezes (pai do sanfoneiro Waldonys),  Jarbas Brandão, José Januário Maciel – conhecido como Joquinha Gonzaga. O cantor, compositor e sanfoneiro pernambucano Joquinha é sobrinho de Luiz Gonzaga, o qual o presenteou com sua primeira sanfona. Sebastião Pereira de Moraes, natural de Bom Conselho e foi amigo de infância de Dominguinhos, com o qual tocava sanfona, também fez parte do grupo de premiados.

Elba Ramalho, Jorge de Altinho e Flávio José receberam o troféu das mãos do prefeito Izaías Régis, em seus camarins.

No ano passado, quando foi realizada a primeira edição do Troféu, foram contemplados: o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis; o radialista Geraldo Freire, o jornalista Ney Vital, Wilson Seraine, professor universitário e radialista; o cantor e radialista Zezinho de Garanhuns, o colecionador Paulo Wanderley, o ex-prefeito Ivo Amaral, o proprietário da casa de eventos Arriégua, Luiz Ceará; o cantor e compositor Waldonys; o filho de Dominguinhos, Mauro Moraes; José Nobre, proprietário do Museu Luiz Gonzaga de Campina Grande; Marcos Lopes, proprietário do Forró da Lua, e a secretária de Cultura, Cirlene Leite.

considerado um dos grandes divulgadores da música nordestina, principalmente no que se refere às músicas de Dominguinhos. 


Fonte: Assessoria Imprensa-Garanhuns


← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial